Cresce o número de ausentes no vestibular da Unicamp

Dos 50.549 inscritos ao vestibular 2004 da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), aplicado neste domingo em 19 cidades, 48.991 fizeram as provas. O índice de abstenção ficou em 3,08%, 14% maior que o do ano passado, de 2,71%.A maior abstenção, de 20,56%, foi verificada em Brasília, onde 107 candidatos haviam se inscrito para a prova, mas 22 não compareceram. Segundo o coordenador executivo da Comissão de Vestibular da Unicamp, Leandro Tessler, houve coincidência de datas com a Universidade de Brasília (UnB), o que provocou o alto índice de faltas.Acompanhante "preso"Tessler disse que o vestibular ocorreu sem problemas em Campinas. As provas tiveram início às 14h00 em 18 cidades que adotaram o horário de verão e uma hora depois em Salvador.O coordenador contou que um acompanhante acabou ficando preso dentro de um dos locais de prova em Campinas e somente obteve autorização para sair depois que os portões foram reabertos às 15h30.Este ano, duas novas capitais foram incluídas na lista de locais de prova da Unicamp. Em Porto Alegre, 63 candidatos se inscreveram e 58 fizeram o teste. Em Goiânia, a quantidade de inscritos, 736 alunos - dos quais 33 não compareceram -, superou as expectativas da Comissão.?Sabíamos que havia uma boa demanda na cidade, mas ficamos surpresos?, comentou Tessler. Ele explicou que no próximo ano o vestibular da Unicamp será divulgado também no interior de Porto Alegre para atrair mais candidatos.Cursos novosOutra surpresa foi a inclusão de dois cursos novos, que começam em 2004, na lista dos mais procurados. Comunicação Social/Midialogia ficou em segundo lugar no ranking - atrás de Medicina -, com 49 candidatos por vaga, e Farmácia em terceiro, com 46 candidatos por vaga. Outro curso com início em 2004 é Tecnólogo em Telecomunicação.Os candidatos ao vestibular da Unicamp disputam 2.934 vagas, 120 a mais que no ano passado, referentes aos três cursos novos. Na média, este ano, cada vaga foi disputada na primeira fase por 17,2 candidatos. O curso menos concorrido, Tecnólogo em Informática, registrou 3,7 candidatos/vaga.AprovadosA lista de aprovados da primeira fase será divulgada em 17 de dezembro e as notas, em 6 de janeiro. A expectativa é de que cerca de 13 mil alunos passem para a segunda fase.A regra determina 50% de acerto na primeira prova, respeitando oito candidatos por vaga nos cursos mais concorridos e três nos menos disputados.Tessler lembrou que a Unicamp mantém as médias de um terço de alunos de escolas públicas inscritos no vestibular e um terço de aprovados, além de cerca de 10% de alunos afro-brasileiros inscritos e aprovados. ?Mesmo índice das escolas públicas?, apontou.clique para ver a prova da Unicamp resolvida e comentada pelos professores do Curso Objetivo

Agencia Estado,

23 de novembro de 2003 | 19h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.