Confira as provas de história e química da Fuvest

Os índices de abstenção ficaram em 6,12% (história) e 5,66% (química); do domingo, faltaram 5,42%

07 de janeiro de 2008 | 17h27

Foram realizadas nesta segunda-feira, 7, as provas de história e de química da segunda fase da Fuvest, o maior vestibular do País. O exame se deu entre 13h e 16h. Os principais cursinhos pré-vestibular prometem correção online dos exames, dissertativos. A Fuvest não divulga gabarito para as provas da segunda fase.    Prova de química (download)  Prova de história (download)  Resolução do Anglo  Resolução do Objetivo  Resolução do Etapa  Resolução do Cursinho da Poli   Ao contrário da prova realizada no domingo - de língua portuguesa e redação - para a qual foram convocados todos os 37,3 mil candidatos aprovados na primeira fase, o exame desta segunda foi dividido: 17 mil fizeram o de história e 13 mil, o de química, de acordo com as carreiras escolhidas.   Dos 17 mil convocados para a prova de história da Fuvest, 15,9 mil compareceram para fazer o exame nesta segunda-feira, 7. Dos  13,9 mil convocados para o exame de química, apresentaram-se 13 mil. Os índices de abstenção ficaram em 6,12% (história) e 5,66% (química). A prova de domingo, da língua portuguesa e redação, teve abstenção de 5,42% dos candidatos. Na terça-feira ocorrerão os exames de geografia e biologia. As avaliações de física e matemática acontecem na quarta e na quinta-feira, respectivamente. Todas as provas têm três horas de duração, das 13h às 16h.   A segunda fase do processo seletivo é constituída por um conjunto de até quatro provas dissertativas. A Fuvest seleciona candidatos para 10.302 vagas na Universidade de São Paulo, 100 na Santa Casa de São Paulo e 150 na Academia de Polícia Militar do Barro Branco.

Tudo o que sabemos sobre:
fuvest

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.