Com liminar, curso de Direito volta ao vestibular da UnB

O curso de Direito da Universidade de Brasília (UnB) está de novo incluído no vestibular 2005. Das 50 vagas, 25 voltaram a ser colocadas em disputa no exame dos dias 8 e 9 de janeiro, enquanto as outras 25 estão disponíveis para os aprovados no processo de avaliação contínua, que envolve alunos de escolas públicas.A retomada do exame ocorreu depois que, nesta quinta-feira, uma liminar suspendeu o parecer da Advocacia-Geral da União (AGU) que obrigava a UnB e as demais universidades federais a garantir vagas, sem vestibular, para militares e seus dependentes transferidos de Estado ou cidade por motivo de trabalho.A UnB fechou as vagas do curso de Direito porque, com o parecer da AGU, alunos de faculdades particulares transferidos para o Distrito Federal começaram a exigir vaga sem passar por qualquer processo seletivo. O número de pedidos de transferência superou o número de vagas no curso.O reitor da UnB, Lauro Morhy, comemorou a decisão do juiz federal Aroldo José Washington, da 4.ª Vara Federal Cível de São Paulo, que concedeu liminar, mas advertiu que o vestibular para Direito voltará a ser suspendo se a liminar cair.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.