Com chuva, fechamento de portões para Fuvest atrasa em Ribeirão

Jogo de futebol perto do maior local de prova da cidade também complicou chegada dos candidatos; vários tiveram que correr

Rene Moreira, Especial para o Estado

30 Novembro 2014 | 16h04

Acostumada com muito sol, a cidade de Ribeirão Preto, no interior paulista, teve chuva intensa desde o início da manhã deste domingo, 30, dia da prova da Fuvest. Na Unaerp, principal local do vestibular na cidade, a chuva somada a um jogo de futebol, entre o Botafogo da cidade e o São José, fez com que os portões fossem fechados às 13h10. 

O motivo do atraso foi o trânsito nas imediações do Estádio do Santa Cruz, próximo ao local da prova, somado à chuva. Vários candidatos tiveram que correr nos minutos finais para entrar nas salas onde o teste seria aplicado. 

Quando já passava das 13h11, os portões ainda foram reabertos para uma candidata retardatária. No local, somente uma pessoa ficou sem fazer o vestibular, mas era treineira.

Mais conteúdo sobre:
fuvest 2015

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.