Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Censo do MEC aponta avanço do ensino a distância

O número de cursos cresceu mais de 500% desde 2003; proporçãio de estudantes foi de 2% a 4%

19 de dezembro de 2007 | 11h33

O Instituto de Pesquisas Educacionais (Inep) do Ministério da Educação divulga os resultados do Censo da Educação Superior de 2006, com dados que mostram um grande crescimento nos cursos de educação a distância (EAD).   Confira as tabelas do Censo (em Excel)   De 2003 a 2006 houve um aumento de 571% em número de cursos e de 315% no número de matrículas. Em 2005, os alunos de EAD representavam 2,6% do universo dos estudantes. Em 2006 essa participação passou a ser de 4,4%.     As demais modalidades da educação superior também tiveram aumento, menor nas graduações (8,3% em número de cursos e 5% em número de matrículas) e com destaque nos tecnológicos, que tiveram aumento nas matrículas de 34,3%.   O Censo atualiza anualmente as informações da educação superior sobre número de instituições, cursos, matrículas, vagas, inscritos, ingressos, concluintes, docentes e pessoal técnico administrativo. O levantamento traz também dados discriminados por turno (diurno e noturno) e de acordo com a localização das instituições (no interior dos estados ou nas capitais).   Ao longo de 2007 foram recolhidas informações sobre cursos e instituições de educação superior tendo como data base o dia 30 de outubro de 2006. São computadas as matrículas efetuadas até o dia 30 de junho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.