José Maria Tomazela/Estadão
José Maria Tomazela/Estadão

Candidato tem crise renal e abandona prova do Enem em Sorocaba

Ademir Lopes entregou o exame com 23 questões respondidas; o candidato Bruno Grange tenta conseguir o Prouni

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

05 Novembro 2016 | 17h07

SOROCABA - O candidato Ademir Lopes, de 29 anos, teve uma crise renal e foi obrigado a abandonar a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), neste sábado,5, em Sorocaba. Ele entregou a prova com 23 questões respondidas e, com muitas dores, aguardou autorização para deixar o local.

Com dificuldade para dirigir o próprio carro, ele ligou pedindo socorro a um irmão. "Já estava sentido um pouco de dor, mas resolvi fazer a prova assim mesmo. O problema é que, de ficar sentado, a dor foi aumentando", contou. Ademir fez uma das primeiras edições do Enem, depois parou de estudar em razão do trabalho. Agora, quer retomar a vida universitária e fazer Engenharia Civil. "Se melhorar, faço a prova amanhã", disse.

O candidato Bruno Grange, de 20 anos, foi um dos primeiros a deixar a prova do Enem, no câmpus da Universidade Paulista (Unip), em Sorocaba. Ele considerou muito difíceis as questões de Química, mas teve facilidade com Física. "Interpretação de texto, história e cultura geral estavam dentro do esperado, sem grandes dificuldades", avaliou. Ele já cursa Engenharia Elétrica em universidade, mas fez a prova para concorrer ao financiamento do Programa Universidade para Todos (Prouni).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.