Candidato do Enem terá acesso à correção da redação

Mudança visa a atender acordo firmado com o MPF e tentar pôr fim a batalhas judiciais

Sergio Pompeu, do Estadão.edu,

23 Maio 2012 | 23h15

Os candidatos inscritos na próxima edição do Enem terão acesso à cópia da correção de suas redações. A regra constará do edital do exame, que será publicado nesta sexta-feira, 25. A prova está marcada para os dias 3 e 4 de novembro.

 

A mudança visa a cumprir acordo firmado entre o Ministério da Educação e o Ministério Público Federal. A vista da prova deverá ter fins exclusivamente "pedagógicos".

 

No último Enem, o pedido de acesso ao espelho da correção da redação virou motivo de uma intensa batalha judicial. Até o Tribunal Regional Federal da 5.ª Região (TRF-5) suspender uma liminar que garantia o direito de todos a ver a redação.

 

Nesta quinta-feira, às 16h, o ministro Aloizio Mercadante concederá entrevista coletiva para esclarecer esta e outras alterações. O edital deverá estabelecer o prazo para inscrição e o valor da taxa, entre outros detalhes.

 

Diferentemente do ano passado, o documento só dirá respeito à próxima edição da prova, sem falar da possibilidade de edições no primeiro semestre do ano que vem.

 

Desde que o Enem foi reestruturado, em 2009, o governo promete aplicar ao menos dois exames ao ano. O plano foi adiado por conta dos sucessivos problemas, como vazamento de questões, falhas na impressão e divulgação errada de gabaritos.

Mais conteúdo sobre:
EnemEnem 2012MECRedação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.