Brasil é um dos 20 países que mais atraem estudantes dos EUA

Com um aumento de 23% sobre o período 2003/2004, em 2004/2005 o Brasil entrou para a lista dos 20 países que mais atraem estudantes universitários originários dos Estados Unidos, de acordo com relatório divulgado pelo Instituto de Educação Internacional (IIE). O País entra na lista em décimo nono lugar, com 1.994 universitários americanos, à frente da Índia, com 1.767, e bem atrás do campeão, o Reino Unido, com mais de 30 mil americanos matriculados. O levantamento também mostra que a comunidade de estudantes brasileiros nos EUA está entre as 20 maiores daquele país, com 7.009 brasileiros matriculados em universidades americanas. Houve declínio na presença brasileira nas instituições americanas no período letivo 2005/2006, em relação ao anterior, de 3,2%. A despeito da queda no número de brasileiros, no entanto, o IIE destaca um aumento no número novas matrículas de estudantes estrangeiros nos EUA, pela primeira vez desde os atentados de 11 de setembro de 2001. A elevação, em termos proporcionais, foi de 8%, em relação ao período anterior. O total de estudantes estrangeiros nos EUA, porém, continua em queda, embora ela venha desacelerando-se: depois de uma perda de 2,3% no período 2003/2004, a mais recente foi de 0,05%.O país que mais envia estudantes aos Estados Unidos é a Índia, com mais de 76 mil universitários matriculados em instituições americanas. Quatro países - Índia, China, Coréia do Sul e Japão - respondem por 46% do total de estrangeiros em cursos superiores nos EUA.

Agencia Estado,

13 de novembro de 2006 | 13h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.