Brasil é tema de vestibular no Senegal

Apesar dos esforços do governo em estreitar as relações entre o Brasil e a África, um fato ocorrido nesta semana no Senegal mostra o quanto as autoridades terão de fazer para promover uma aproximação entre as duas regiões. Candidatos ao vestibular no Senegal protestaram contra o fato de que a prova de geografia deste ano, realizada na terça-feira, era praticamente impossível de ser respondida e que as questões iam além do que sabiam. O motivo: as perguntas eram sobre o Brasil e sua geografia.Os organizadores da prova distribuíram aos candidatos mapas do Brasil em branco e pediam que os alunos indicassem a localidade de algumas cidades e florestas, como a Amazônica. Para completar, os candidatos para ocupar os lugares nas universidades no próximo semestre tiveram de preparar uma redação com base em um texto do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.Segundo um dos principais jornais do Senegal, o Le Soleil, o tema da redação deste ano tinha como mote a frase do ex-presidente de que "o Brasil não é um país subdesenvolvido, mas injusto". As queixas dos estudantes e professores foram divulgadas nas edições dos principais jornais do país africano nesta quarta-feira.

Agencia Estado,

02 de julho de 2003 | 23h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.