Bovespa terá fundo para ONGs

A Bovespa abrirá um único fundo DI para abrigar os investimentos de todos os projetos cadastrados em uma Bolsa de Valores Sociais (BVS), a ser lançada na próxima semana. Segundo o presidente da BVS, Álvaro Vidigal, a Bovespa será responsável pela administração dos recursos, liberando-os de acordo com as necessidades de cada organização não-governamental.As corretoras afiliadas à Bovespa vão captar os recursos e transferi-los para o fundo, e não terão fins lucrativos com a operação, nem as Bolsas. O investidor poderá optar por investir via corretora ou diretamente, ligando para a própria Bovespa. Ao se cadastrarem e ingressarem na lista de ONGs escolhidas, essas instituições farão a previsão do montante de que necessitam em investimentos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.