Bairro da Mooca terá faculdade em shopping

De olho num mercado praticamente inexplorado, o empresário Adriano Augusto Fernandes vai unir o útil ao agradável: lança até outubro do ano que vem o primeiro shopping da Mooca, na zona leste de São Paulo, com lojas, cinemas, teatro e uma universidade. Sonho antigo, que dura mais de 30 anos, segundo ele."Quero atrair esse público, que é fiel ao bairro, mas não tem um empreendimento desse porte", afirma.O endereço é velho conhecido dos moquenses: Avenida Paes de Barros, número 3.000, perto do Clube Juventus, outra referência dos moradores do bairro. Até 1997 funcionava ali uma siderúrgica. Depois o terreno foi desocupado para dar lugar ao prédio, construído há seis anos.Chamado Shopping Capital, o empreendimento terá praça de alimentação com 700 lugares, 185 lojas - 25% delas já com contrato fechado -, seis salas de cinema, um teatro com capacidade para 411 pessoas e de 3 mil a 3.600 vagas no estacionamento.UnicapitalPara atender tamanha estrutura, o prédio terá 26 mil metros quadrados, distribuídos em três andares mais o térreo destinados ao shopping e três andares à Unicapital. A idéia, segundo Fernandes, é criar 25 cursos universitários, entre eles Odontologia e Engenharia Civil."Temos 3.500 alunos nas quatro unidades na zona leste. Queremos ampliar a oferta de vagas", adianta.Mercado para tanto existe, na opinião do empreendedor. Uma pesquisa encomendada por ele aponta que 62% dos moradores da região pertencem às classes A e B.AulasPara Fernandes, o movimento de clientes não vai interferir nas atividades da faculdade. "Os estudantes que não quiserem percorrer o shopping poderão usar as escadas ou um dos cinco elevadores", diz. As aulas devem começar no início de 2006.Universitários e clientes vão ter referências arquitetônicas inspiradas em outras duas obras: a fachada da entrada principal lembra o Teatro Éden, de Lisboa. O outro acesso, da Rua Ibipetuba, é semelhante ao Rockefeller Center, de Nova York.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.