Au Pair é intercâmbio com trabalho e salário

A tradutora Débora Mantovani está arrumando as malas para viajar aos Estados Unidos. Mas não vai a turismo. Débora vai cuidar de uma menina de 7 anos e fazer tudo o que uma babá de qualidade faz: preparar lanches, arrumar os brinquedos, passear com ela.?Gosto muito de crianças e pretendo aprimorar meu inglês. Esta foi a oportunidade que apareceu para aprender bastante e viver a língua?, conta Débora, entusiasmada. Ela embarca no dia 2 de agosto e deve voltar só daqui a um ano.Débora é uma das quase mil mulheres que saem todos os anos do País nos programas de Au Pair, aqueles em que a pessoa cuida de crianças em troca de remuneração e até de alguns luxos.Quarto e carroDébora, por exemplo, terá quarto individual e um carro para passeios, que pode ser usado também em seus dias de folga. ?E, chegando lá, vou escolher que curso fazer enquanto a menina estiver na aula.?A remuneração média de uma au pair nos EUA é de US$ 140 por semana (cerca de R$ 420), com direito a dois fins de semana de folga por mês e a duas semanas de férias.Agências no BrasilNo Brasil, várias agências de intercâmbio oferecem programa de Au Pair. Em geral, são mais baratos que os programas de intercâmbio comuns. ?Como a família dá a acomodação e alimentação, o custo para a jovem é mais baixo?, diz a supervisora do Departamento de Estágios da Central de Intercâmbio (CI), Fabiana Fernandes.O Au Pair custa US$ 900, comparado com os cerca de US$ 1.500 de outros programas.200 horasA gerente de programas de trabalho do Student Travel Bureau (STB), Rosa Guimarães, explica que, para participar, é preciso ter entre 18 e 26 anos, ensino médio e experiência de 200 horas cuidando de crianças.?Quando elas não têm esse banco de horas, indicamos instituições onde possam trabalhar como voluntárias e obter uma recomendação.?A garota só sai do Brasil após ter vários dados sobre a família. Chegando aos EUA, faz cursos sobre como tratar as crianças (até as mais pestinhas). E parte para o trabalho.  leia também  Família complicada fez Izabela voltar antes  

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.