Assembleia reúne 250 estudantes

Grupo grita palavras de ordem perto da reitoria; 50 soldados do Choque continuam no local

Carlos Lordelo, do Estadão.edu,

08 Novembro 2011 | 10h57

Cerca de 250 estudantes estão realizando neste momento uma assembleia nas imediações da reitoria da USP contra a ação da PM do câmpus esta manhã. O grupo antes estava concentrado na Faculdade de Letras.

A maior parte dos soldados da Tropa de Choque que participaram da reintegração de posse da reitoria, invadida no dia 2, já deixou a Cidade Universitária. Dos 400 homens usados na operação, só perto de 50 permanecem no local, com apoio de policiais de outras unidades.

“O que aconteceu hoje é inadmissível. O reitor passou dos limites”, discursou, do alto do carro de som, uma aluna que se identificou como diretora do Centro Acadêmico da Faculdade de Letras.

Segundo a diretora do C.A., os estudantes precisam ampliar a mobilização contra a presença da PM no câmpus, motivo da invasão da reitoria. “Ficou claro que a PM não está aqui para proteger ninguém.”

Mais conteúdo sobre:
usp

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.