Após nove dias, estudantes desocupam Instituto Federal em Avaré

Direção da escola vistoriou a unidade; as aulas serão retomadas nesta sexta-feira

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

03 Novembro 2016 | 19h39

SOROCABA - Após nove dias de ocupação, os estudantes deixaram nesta quinta-feira, 3, o prédio do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), em Avaré, no interior de São Paulo. Eles protestavam contra o projeto de reforma do ensino médio e a limitação dos gastos públicos pelo governo federal. Foi a mais longa ocupação contra as medidas recentes do governo federal no Estado.

A escola foi tomada pelos manifestantes no dia 25 de outubro e, desde a ocupação, as aulas foram suspensas. O IFSP informou que manteve diálogo com os ocupantes e obteve a saída pacífica. 

De acordo com o aluno de agronegócio Luis Otávio Costa, porta-voz do grupo, os estudantes limparam as instalações antes de desocupar o prédio. Após a saída, a direção da escola vistoriou a unidade. As aulas serão retomadas nesta sexta-feira, 4, e os dias letivos perdidos serão repostos.

 

 

Mais conteúdo sobre:
São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.