Alunos satisfeitos com 2ª fase da PUC

A prova da 2.ª fase do vestibular da Pontifícia Universidade Católica (PUC), realizada na tarde deste domingo, foi tranqüila, apesar da chuva..tbf {text-decoration:none;}.tbf:hover{text-decoration:underline;}PUC 08/12/2002 PROVA COMENTADATAMANHO EM KB» Física & Matemática[146 kb]» Geografia & História[28 kb]» Biologia[27 kb]» Redação[390 kb]FATEC 08/12/2002 PROVA COMENTADATAMANHO EM KB» Português[261 kb]» Física[317 kb]» Biologia[545 kb]» Geografia[1.259 kb]» Redação[32 kb]AVISO: Os arquivos com extensão .PDF, só podem ser visualizados através do programa Acrobat ReaderTM da Adobe. Para fazer o download gratuíto do programa, clique aquiAs questões, dissertativas, foram consideradas de excelente formulação pelos professores do Objetivo. Os vestibulandos também não reclamaram da prova. Na saída da PUC, os estudantes estavam confiantes. A redação - cujo tema foi trabalho infantil - também agradou. "Mesmo eu, que não estudei, consegui fazer a prova sossegada", conta Fernanda Matsumoto, de 17 anos, que prestou Moda na Faculdade Santa Marcelina - que tem vestibular vinculado ao da PUC.A vestibulanda conta que ?enrolou? na formulação de algumas respostas, mas acha que, para quem estudou, o exame estava bem fácil. "Achei o tema da redação muito legal", diz Fernanda, que ficou até o último segundo de prova. "Levei 1h30 para terminá-la, mas valeu a pena." A vestibulanda, que também fez Fuvest, considerou a prova da PUC mais objetiva do que a da Universidade de São Paulo (USP).Os amigos Maria Isabel Ribeiro, de 18 anos, e Rafael Ortega, de 19 anos, encararam o vestibular pelo segundo ano consecutivo. Maria Isabel quer cursar Relações Internacionais e Rafael, Psicologia. Os dois consideraram o exame bem fácil e também elogiaram o tema da redação. "Não tinha como não saber o que escrever", comenta o estudante, que desistiu do curso de Web Design, na Faculdade Anhembi Morumbi, para fazer vestibular novamente. Para eles, o mais difícil foi responder às questões de Química e Física.Por volta das 16h45 houve uma maior movimentação nas escadarias da universidade. O motivo: a primeira partida da final do Campeonato Brasileiro entre Santos e Corinthians. Muitos estudantes terminaram a prova a tempo de disputar um espaço nos bares da região para acompanhar o jogo. Alguns estudantes reclamaram de um forró no bar da Rua Ministro Godói, que atrapalhou os vestibulandos.

Agencia Estado,

08 de dezembro de 2002 | 20h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.