Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Alunos podem consultar boletim do Enade pela internet

Os 277.476 estudantes que fizeram a prova do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) podem conferir seu desempenho individual. Para ver as notas, o aluno deve acessar o relatório do estudante, colocando seu nome, CPF e uma senha para cadastro na internet.A consulta pode ser, ainda, aos conceitos de determinado curso em todas as instituições de um determinado Estado. Ou, ainda, o resultado do exame em todas as áreas, por Estado, município ou instituição de educação superior (IES).No portal do Inep estão os relatórios de cada curso submetido ao Enade 2005 - arquitetura e urbanismo, biologia, ciências sociais, computação, engenharias (distribuídas em oito grupos), filosofia, física, geografia, história, letras, matemática, pedagogia e química - e o boletim de desempenho dos alunos. Também estão disponíveis informações sobre o que é o Enade, perguntas mais freqüentes, inscrições, portarias, "fale conosco", notícias e dados sobre o Enade 2004, 2005 e 2006. Em 2004, o Enade aplicou provas para as áreas de saúde e agrárias; em 2005, para 46 engenharias e licenciatura; e em 2006 verificará conhecimentos em direito, administração, arquivologia, biblioteconomia, biomedicina, ciências contábeis, ciências econômicas, comunicação social, design, formação de professores da educação básica, música, psicologia, secretariado executivo, teatro e turismo. As provas do Enade 2006 serão aplicadas em mais de mil municípios, das 27 unidades da Federação, no dia 12 de novembro, com início às 13h (horário de Brasília). Ficam dispensados da participação os estudantes que colarem grau até o dia 18 de agosto e aqueles que estiverem oficialmente matriculados e cursando atividades curriculares fora do Brasil, na data de aplicação, em instituição conveniada com a sua instituição de educação superior de origem. Mais informações pelos telefones (61) 2104-8023, 2104-8037 e 2104- 9563.

Agencia Estado,

09 de agosto de 2006 | 18h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.