Alunos enfrentam fila para se matricular em vaga do Prouni

Unip centralizou cadastramento de 11 câmpus em 1 local; prazo para entrega de documentos termina hoje

da Redação,

30 de janeiro de 2009 | 05h17

Alunos que tentam se matricular na Universidade Paulista (Unip), em São Paulo, por meio de vagas no Programa Universidade para Todos (ProUni) passaram a madrugada desta sexta-feira, 30, na fila. A instituição optou por centralizar o cadastro das bolsas de seus 11 câmpus da Grande SP na unidade Indianópolis, zona sul da capital, localizada na rua Dr. Bacelar.   Veja também Fila para inscrição do ProUni na Unip gera confusão em SP Interesse pelo ProUni cai 30%, indica balanço   Os estudantes foram convocados para entregar a documentação exigida pelo programa, criado pelo governo federal para conceder bolsas parciais e integrais a estudantes carentes. Hoje é o último dia para a inscrição e o atendimento começa a partir das 8h30.   Caso o aluno tenha esquecido algum dos documentos exigidos, a Unip está distribuindo senhas para que o que estiver faltando seja entregue na segunda-feira.   Na quinta-feira, quem chegou depois das 5 horas da madrugada não conseguiu senha para ser atendido. Houve confusão e a Polícia Militar foi chamada.   Segundo o vice-reitor de planejamento, administração e finanças, Fábio Romeu de Carvalho, a Unip oferece 4.448 bolsas do ProUni na Grande São Paulo. A Unip atendeu cerca de 3.550 pessoas até quarta-feira, segundo Carvalho.   (Colaborou Alexandre Gonçalves, de O Estado de S.Paulo)

Tudo o que sabemos sobre:
ProuniinscriçãovagasUniversidade

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.