Alunos de escolas públicas melhoram em português e matemática

Disciplinas foram avaliadas pelo Sistema de Avaliação da Educação Básica e pela Prova Brasil, usados para compor o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb)

Carlos Lordelo e Paulo Saldaña, Estadão.edu

01 Julho 2010 | 19h24

Os alunos das escolas públicas do País estão melhor em português e matemática, mas suas notas não chegariam a 6 numa escala de zero a 10. As duas disciplinas foram avaliadas pelo Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e pela Prova Brasil, usados para compor o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). O Ministério da Educação (MEC) divulgou os números nesta quinta-feira.

 

 

A nota média dos alunos da 1.ª a 4.ª série em matemática melhorou 12% de 2005 a 2009. Na escala Saeb/Prova Brasil, que vai de 0 a 500, os estudantes obtiveram 204,3 - em 2005, haviam tirado 182,4. Em português, a melhora foi de quase 7%: saiu de 172,3 para 184,3.

 

 

Nos últimos anos do ensino fundamental (da 5.ª a 8.ª série), os alunos tiraram 248,7 em matemática (antes, havia sido 239,5) e 244 em português (em 2005, a nota foi 231,8).

 

 

O progresso foi menor no ensino médio. Em matemática, os alunos obtiveram 274,7 - nota 1,25% melhor que a de 2005, 271,3. Em português, o indicador saiu de 257,6 para 268,8.

 

 

A professora da Unicamp Maria Helena Guimarães Castro chama atenção para o desempenho dos alunos em matemática. "Em língua portuguesa, foi mantida uma tendência de melhora. Mas em matemática ficou praticamente estagnado no ensino médio e nos últimos do fundamental", diz Maria Helena, ex-presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) - que organizam tanto as avaliações quanto o índice.

 

 

Segundo a professora, a partir do 6.º ano o aprendizado em matemática depende muito do professor, o que demonstraria falhas na formação de docentes. "Os conteúdos avaliados não estão sendo bem resolvidos na sala de aula", diz ela. A professora defende que os resultados sejam base de um relatorio pedagógico para orientar capacitação dos professores.

 

 

O Ideb divugado nesta quinta-feira mostrou que o nível das escolas públicas do Brasil está melhor em relação a 2007, apesar de o ensino médio apresentar uma evolução menor. Todos os níveis de educação superaram, em média, as metas estabelecidas.

 

Mais conteúdo sobre:
pontoedu ideb mec inep

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.