Alunos da PUC aceitam depósito oferecido por reitor e deixam Ouvidoria

Estudantes estabelecem prazo para até 12 de maio; decisão foi tomada depois de assembleias

Estadão.edu,

20 Abril 2012 | 17h51

SÃO PAULO - Os alunos dos cursos de Jornalismo e Comunicação e Multimeios, que ocupavam desde segunda-feira a sala da Ouvidoria da PUC-SP, aceitaram a proposta da reitoria e a partir do dia 12 de maio o C.A. Benevides Paixão passará a funcionar em um espaço próximo à quadra esportiva. Os estudantes assinaram um termo de compromisso com o reitor e vão desocupar a Ouvidoria ainda nesta sexta-feira, 20.

 

Segundo a comissão de comunicação do “Benê Ocupado”, a sala oferecida tem cerca de dez metros quadrados e era usada até então como depósito de materiais esportivos. A reitoria se propôs a reformar a sala, pintá-la e colocar uma cobertura na entrada para aumentar o espaço de convivência. Os alunos exigiram também que a sala seja expandida para que se instale uma máquina de xerox, responsável pelo autofinanciamento do centro acadêmico.

 

O "Benê" está desalojado desde o anúncio da demolição da Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes (Faficla), em junho do ano passado. As obras, porém, ainda não começaram.

 

Além de ocupar a Ouvidoria, os universitários também espalharam cartazes pelo câmpus para cobrar providências da reitoria e cercaram com fita isolante algumas áreas da PUC, como a cruz do tradicional Pátio da Cruz. Um cartaz na base do monumento pede "Occupy All Streets", em alusão ao movimento Occupy Wall Street.

Mais conteúdo sobre:
Benevides Paixão PUC Centro acadêmico

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.