Albert Einstein inaugura universidade com aula de FHC

O Einstein inaugura nesta segunda-feira, com aula magna do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, sua universidade corporativa, que vai reunir os cursos de graduação, pós-graduação, MBA e profissionalizantes oferecidos pela instituição. Existem hoje no País mais de cem universidades corporativas que funcionam ligadas a uma empresa ou instituição, oferecendo cursos de extensão e de capacitação para funcionários e público externo. O hospital garante que a Universidade Israelita da Saúde Albert Einstein é a primeira na área."A universidade entra na nossa proposta de oferecer treinamento dentro e fora da empresa e, principalmente, disseminar o conhecimento", explica Claudio Luiz Lottenberg, presidente da Sociedade Beneficiente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein. "Ninguém aqui está pensando em criar curso de Medicina, até porque já há médicos demais, mas, sim, em oferecer treinamento naquilo em que somos reconhecidamente capazes", explica.O Einstein tem uma faculdade de Enfermagem, cursos técnicos em laboratório clínico e hemoterapia e oferece pós-graduação na área de terapia intensiva. Mantém também um Instituto de Ensino e Pesquisa, que realiza trabalhos em parceria com a Universidade de São Paulo (USP) e Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).A universidade reúne todos os cursos que ele já oferecia - incluindo os abertos à população leiga -, mas Lottenberg destaca dois deles. Um é o de hotelaria hospitalar - não é à toa que alguns hospitais da cidade são chamados de "cinco estrelas". O outro, um MBA Executivo em gestão de saúde. "Ele é voltado a executivos de outras áreas que estão interessados ou em trabalhar na área ou em gerir melhor questões planos de saúde, por exemplo", explica. O investimento da universidade este ano deve ser de R$ 9 milhões.

Agencia Estado,

15 de março de 2004 | 01h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.