Acusados de furto de prova do Enem em 2009 são ouvidos nesta sexta-feira

Os cinco réus prestam depoimento na última audiência do processo

Estadão.edu

12 Novembro 2010 | 15h58

Nesta sexta-feira, desde 11h, estão sendo ouvidos os acusados de furtar a prova do Enem em 2009, Felipe Pradella, Gregory Camilo, Marcelo Sena, Luciano Rodrigues e Filipe Ribeiro. Esta é a última audiência do processo.

 

A audiência desta sexta-feira deveria ter acontecido no dia 23 de setembro, mas foi adiada após anúncio de quebra de sigilo telefônico dos acusados.

 

Pradella, Sena e Ribeiro trabalhavam na Gráfica Plural e são acusados de furtar a prova do local. Camilo e Rodrigues teriam, junto com Pradella, tentado negociar o exame com jornalistas. O roubo da prova fez com que o Ministério da Educação adiasse o exame.

Mais conteúdo sobre:
Enem2009acusadosaudiência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.