Abstenção fica em 5,41% no 1.º dia da 2.ª fase da Fuvest

A primeira prova da segunda fase da Fuvest, realizada neste domingo, teve abstenção de 5,41%, o que significa que dos 37.897 candidatos que concorriam nesta etapa, 2.052 não realizaram a prova. O vestibular seleciona estudantes para a Universidade de São Paulo (10.202 vagas em jogo), Santa Casa (100 vagas) e Academia de Polícia Militar do Barro Branco (180 vagas). Estão convocados, para a segunda fase, 37.897 candidatos, incluindo os treineiros.A prova deste domingo, única comum a todas as carreiras, foi a de Língua Portuguesa. Candidatos a algumas carreiras realizaram apenas esta prova e um teste de aptidão, mas a maioria dos cursos exigirá outras quatro provas, entre seis disciplinas do ensino médio. O calendário é o seguinte: segunda-feira, prova de História ou de Química; terça, Geografia ou Biologia; quarta, Física e quinta, Matemática.Provas de aptidão e habilidades específicas serão realizadas entre os dias 9 e 12.A Fuvest já havia divulgado, em dezembro, as listas de candidatos convocados para a segunda fase, bem como os locais de prova e as notas de corte - a pontuação mínima, necessária na prova da primeira fase, para garantir o acesso à etapa que se inicia no domingo. O melhor desempenho conseguido por um candidato, na primeira fase do vestibular foi 87 pontos, de um total de 90.A carreira com maior nota de corte na primeira fase foi Medicina: o candidato precisou ter acertado 71 das 90 questões da prova para ter direito a disputar a segunda fase. Abaixo de Medicina ficaram Engenharia Aeronáutica - São Carlos (64 pontos), Curso Superior do Audiovisual (62), Relações Internacionais (62), Jornalismo (61) e Direito (60).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.