JF DIORIO/Estadão
JF DIORIO/Estadão

68,7 mil fazem primeira fase do vestibular da Unicamp

Essa edição teve recorde em número de candidatos presentes na prova; divulgação do gabarito ocorre na terça-feira, dia 12, a partir das 14 horas

10 Novembro 2013 | 21h42

Mais de 68,7 mil candidatos fizeram neste domingo, 10, a primeira fase do vestibular da Unicamp em 18 cidades do País. Os vestibulandos disputam 3.460 vagas em 69 cursos. Essa edição teve recorde em número de candidatos presentes na prova - a abstenção foi a menor (6,9%) desde 2011.

Segundo a Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest), não houve registro de graves problemas nos locais de prova. 

Em Belo Horizonte, no entanto, o exame começou mais tarde, às 15h30, por causa do rompimento de cabo de rede. Alguns alunos desistiram por causa do problema, mas a Comvest não soube informar o número total. 

Tranquila. A prova foi composta de duas redações e 48 testes. A primeira proposta de redação exigia que o candidato escrevesse uma carta às autoridades municipais sobre mobilidade urbana. A segunda pedia um relatório de ações culturais realizadas em um colégio. 

As questões de múltipla escolha foram marcadas por conteúdos de atualidade, como a Primavera Árabe, e uma imagem de Che Guevara desenhada por Andy Warhol.

A maioria dos candidatos que saíram do câmpus da Unip Paraíso acharam a prova "tranquila" e "objetiva". Para Rodrigo Souza, de 18 anos, que tenta ingressar no curso de Medicina, a redação foi a parte mais difícil da prova. "Achei a parte de teste tranquila, mas a redação foi complicada", disse. 

Já para os professores de cursinhos, o exame foi bem elaborado e sem surpresas. “A prova foi excelente, conteudista”, afirmou Vera Antunes, coordenadora do Objetivo.

Para Edmilson Motta, coordenador-geral do Curso Etapa, a prova teve perguntas diretas, de complexidade média e baixa, o que a "destoa" dos demais exames de conhecimentos gerais, como Fuvest e Enem. "Neste ano teve questões de artes, com a imagem de Andy Warhol, e uma questão de Filosofia. Percebe-se um cuidado com temáticas recentes, como a Primavera Árabe, e a mobilidade urbana. Os estudantes vão poder mostrar bem quais são seus conhecimentos." 

Dinamismo. O coordenador executivo da Comvest, Edmundo Pereira, afirmou que a prova foi um "sucesso". Sobre o conteúdo da prova, com 48 questões de múltipla escolha e duas propostas de texto, Pereira afirmou que o vestibular deve ser dinâmico.

O coordenador executivo da Comvest, Petrilson Pinheiro, afirmou que o uso do relatório como proposta da redação foi adequado, uma vez que deve incentivar as escolas a trabalhá-lo melhor. "É um efeito reverso. Faz parte da grade escolar, mas muitos alunos não têm acesso, não é muito visto", afirmou. 

Gabarito. A divulgação do gabarito ocorre na terça-feira, dia 12, a partir das 14 horas. Já a "expectativa" da redação - o que se espera que o aluno tenha alcançado - sai na quinta-feira, dia 14, à tarde. O resultado dos alunos que passaram para a segunda fase será divulgado no dia 20 de dezembro. A segunda fase deve ocorrer nos dias 12, 13 e 14 de janeiro. 

Mais conteúdo sobre:
Unicamp, vestibular, prova, exame,

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.