20 cursos com melhor desempenho em Exame da OAB são públicos

Na última edição da prova, a Federal do ES aprovou 80% de seus alunos

Mariana Lenharo, do Jornal da Tarde,

18 Janeiro 2012 | 20h59

Todos os 20 cursos com melhor desempenho no V Exame Unificado da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) são públicos: 15 são de universidades federais e outros cinco são de estaduais. Em primeiro lugar, com 80,80% de aprovação, ficou a Universidade Federal do Espírito Santo.

 

O desempenho dessas instituições, para Ricardo Castilho, diretor-presidente da Escola Paulista de Direito, deve-se a uma combinação de alunos mais bem preparados – que têm de passar por processos seletivos acirrados – e planos de carreira mais atrativos para os professores.

 

“O plano de carreira oferecido pelas federais permite que o professor pesquise, investigue, se atualize. Sua principal atividade é o ensino e a pesquisa. Ele não precisa ter outro emprego além do de professor”, explica Castilho.

 

Enquanto os professores de escolas públicas são estimulados a se especializar cada vez mais, algumas instituições privadas ainda contratam professores sem mestrado ou doutorado. “Não é raro encontrar professores que só têm a graduação em muitas faculdades. Na época da avaliação do Ministério da Educação (MEC), eles são excluídos do quadro para atender às exigências. Mas, na prática, isso é comum”, garante.

 

Castilho observa que, em muitas dessas instituições, como não existe um plano de carreira, os professores não costumam se manter na mesma faculdade por mais de três anos. “O professor não cria vínculo e continuidade e não desenvolve uma coordenação entre as disciplinas”, diz. “Ele é contratado para uma disciplina, é apresentado à ementa, mas não sabe o que os outros professores estão ministrando. Se tivesse um plano de carreira e remuneração, não tenho duvida de que o ensino seria melhor”, completa.

 

As melhores do País

 

Universidade --> Aprovação

 

Ufes (Espírito Santo) --> 80,80%

UFPE (Pernambuco) --> 78,57%

UFMG (Minas) --> 77,89%

UFC (Ceará) --> 77,05%

UFJF (Juiz de Fora) --> 76,12%

UFPel (Pelotas) --> 74,67%

Uesb (Sud. da Bahia) --> 73,81%

USP (São Paulo) --> 72,05%

UFPR (Paraná) --> 71,64%

UFSC (Santa Catarina) --> 70,51%

Mais conteúdo sobre:
OAB Exame da Ordem Exame de Ordem Direito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.