Amanda Perobelli/Estadão
Amanda Perobelli/Estadão

1º lugar entre escolas de grande porte em SP, Móbile tem aulas eletivas

Segundo diretor, colégio oferece uma série de atividades que ampliam a formação técnica e cultural dos jovens

Luiz Fernando Toledo, O Estado de S. Paulo

05 de outubro de 2016 | 03h00

Pela terceira vez, a Escola Móbile, em Moema, zona sul de São Paulo, teve a melhor nota no Enem entre os colégios de grande porte da capital (com mais de 90 estudantes): 706,29 pontos.

De acordo com o diretor de ensino Wilton Ormundo, o colégio não prepara os alunos especificamente para um exame, mas oferece uma série de atividades que ampliam a formação técnica e cultural dos jovens. “Acreditamos que preparar só para um exame é pouco. Não à toa, eles também vão bem em outras provas além do Enem”, afirmou. 

Além das disciplinas tradicionais, os alunos da Móbile têm aulas eletivas à tarde, que vão de Matemática e Química a Robótica, Produção Literária e Teatro. Os alunos devem escolher pelo menos três para cursar, além das obrigatórias. 

RANKING: Veja posição das escolas de grande porte no Enem

Outro diferencial, segundo o diretor, é o fato de que os professores é que decidem como serão feitas as aulas. Neste ano, os docentes de História e Literatura se uniram para oferecer uma disciplina de análise de textos literários, em que lecionam juntos. “Não temos um sistema apostilado para ser seguido à risca.” 

Para a estudante Roberta Loureiro, de 17 anos, do 3.º ano do ensino médio, a escola ensina a pensar de um jeito diferente. “Não é ‘decoreba’ de fórmulas, é muito mais como pensar, e isso vai além das matérias do vestibular.” As disciplinas eletivas também ajudam. “Há a possibilidade de se aprofundar naquilo que você gosta”, disse Pedro Santana, de 17 anos, também do 3.º ano do ensino médio. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.