Leitura nas aulas de Inglês

Leitura nas aulas de Inglês

Colégio Albert Sabin

05 Setembro 2016 | 10h00

Nas aulas de Inglês do Colégio Vital Brazil, as quatro habilidades linguísticas (ouvir, falar, ler e escrever) são desenvolvidas de maneira concomitante. Na leitura, esse trabalho começa assim que os alunos passam a ter aulas de Inglês, no Pré I, e o trabalho estende-se até a 3ª série do Ensino Médio.

Na Educação Infantil e 1º ano do Ensino Fundamental I, fase em que os alunos ainda não são alfabetizados, o objetivo é a exposição da criança ao idioma de maneira lúdica e agradável. Os alunos já utilizam material didático de Inglês e, com auxílio das professoras, realizam uma pseudoleitura, isto é, observam palavras e ilustrações para interpretar sentidos.

Nesse momento, eles já conseguem relacionar uma figura presente no livro com o vocabulário aprendido na aula. Sessões de rodas de leitura e de contação de histórias acontecem nas aulas de Inglês com bastante frequência, pois contribuem para o desenvolvimento cognitivo, intelectual, afetivo e social das crianças.

leitura ingles 2

Do 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental I, os alunos começam a trabalhar com leitura e interpretação de diferentes gêneros textuais, como cartas e letras de música. Além do material didático, eles leem dois livros paradidáticos por ano. As publicações são trabalhadas de formas variadas, como em pequenas dramatizações e trabalhos em grupos.

Alguns projetos também são desenvolvidos a partir dessa leitura. Por exemplo, no primeiro trimestre, as turmas do 4º ano desenvolveram um projeto sobre a floresta tropical a partir da leitura de um paradidático sobre Ciências, em Inglês. Dessa forma, além de aprenderem sobre esse bioma, eles conheceram, ampliaram e praticaram o vocabulário referente a ele.

A partir do 6º ano do Ensino Fundamental II, os alunos são alocados em estágios semestrais de acordo com o seu perfil e nível de conhecimento linguístico. Nessa etapa, o trabalho de leitura é muito expandido. Os alunos leem um livro paradidático por estágio e os títulos são, em sua maioria, de autores canônicos da literatura inglesa e norte-americana, como William Shakespeare, Jane Austen, Charles Dickens, Edgar Allan Poe e Herman Melville.

leitura ingles 1

Em sala de aula, os alunos aprendem e discutem, em inglês, sobre o contexto histórico em que a obra foi escrita e sobre os dados biográficos do autor, além de estudarem o enredo, as personagens e outros elementos da narrativa. Essa leitura é complementada por atividades de diversos tipos. Os alunos do nível Intermediário 2, por exemplo, trabalharam com Jane Eyre, de Charlotte Brontë, no primeiro semestre deste ano.

Além da leitura do livro, eles ensaiaram e cantaram uma versão da balada presente na obra (Poor Orphan Child), assistiram ao filme Jane Eyre e escreveram uma resenha crítica sobre ele. Os alunos do nível Intermediário Superior 3, por sua vez, trabalharam com a comédia shakespeariana Much Ado About Nothing e fizeram a leitura dramática de algumas cenas, além de apresentações orais (speeches).

Além dos textos do material didático e dos livros paradidáticos, os alunos também fazem a leitura de materiais de outras fontes. Desde 2013, o Departamento de Inglês tem desenvolvido o projeto permanente de leitura Reading Time em todas as séries a partir do 2º ano do Ensino Fundamental I. O principal objetivo é fomentar o gosto pela leitura enquanto os alunos são estimulados a avançar os estudos da língua inglesa. As aulas do projeto são ministradas durante cerca de 20 minutos semanais, quando os alunos fazem a leitura de diferentes gêneros textuais em inglês. Nesse momento das aulas, textos genuínos em inglês são lidos e trabalhados, tais como contos literários, notícias, crônicas e peças publicitárias.

leitura ingles 3

O Departamento de Inglês cria projetos tendo em vista a importância do protagonismo do aluno no desenvolvimento de suas habilidades linguísticas. A aula de leitura é um dos muitos momentos em que os alunos são motivados a realizar um trabalho de compreensão e interpretação de texto. Essa concepção de leitura, que leva em consideração a interação entre autor, texto e leitor, busca possibilitar que o leitor construa sentidos com base no seu repertório linguístico e cultural, que, por sua vez, é ampliado continuamente.

Maíra Gonçalves Malosso

Coordenadora-assistente de Inglês.