Tabletes ou tabloides?

Estadão

17 Novembro 2010 | 11h15

Para a alegria de Steve Jobs, os iPads estão chegando (oficialmente) ao mercado brasileiro e as empresas concorrentes também estão lançando seus tabletes pra movimentar o comércio daqueles que querem tudo a um toque. No calor dessa novidade, várias pessoas continuam fazendo a mesma pergunta que sempre ressurge quando novas tecnologias vêm à tona: “Qual o futuro do Jornalismo? Agora com o iPad, será que as pessoas ainda irão às bancas para comprar jornais e revistas?” – e geralmente, quem faz essa pergunta nem costuma ir às bancas… Esse tipo de questionamento é muito radical e me faz lembrar aquilo que o escritor Umberto Eco colocou como os “apocalípticos” e os “integrados”.

Ou seja, ou as pessoas leem apenas livros, revistas, jornais impressos e não são, de forma alguma, adeptos da tecnologia ou então, são completamente integrados aos meios digitais e só leem nos computadores, na internet e, mais recentemente, lerão nos iPads também. Porém, muitos esquecem que há a terceira via, a da complementaridade dos meios de comunicação, em que a utilização de uma plataforma (seja ela impressa, virtual, 3D ou qualquer outra) não implica a exclusão ou extinção de outra. Temos que bater palmas todos os dias para a revolução que Gutemberg trouxe ao viabilizar a impressão e assim popularizar o que era monopólio cultural e, com o mesmo entusiasmo, temos que aplaudir Steve Jobs por toda a inovação midiática e interação digital que está trazendo.

Já dizia Shakespeare que “a vida é cheia de som e fúria”, assim, quanto mais os livros e os jornais puderem valer-se dos recursos tecnológicos novos em associação com os antigos para reproduzir com mais intensidade a atmosfera de som e fúria da vida, mais os leitores e espectadores terão a ganhar. Se no futuro os leitores lerão notícias em 240 carecteres ou se ainda existirão jornais impressos com infindáveis colunas, se os leitores vão virar a página da revista de verdade ou de mentira só com um toque, não importa. Tomara que eles façam tudo isso.

Leandro é aluno do 1º ano de Jornalismo da ECA-USP

Mais conteúdo sobre:

IPadJobsSteve