As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Vestibular indígena da UFSCar registra alta procura por curso de Medicina

Redação

23 Novembro 2009 | 09h28

Por Elida Oliveira

O Programa de Ações Afirmativas da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) registrou uma procura maior de estudantes indígenas por uma vaga no curso de Medicina. A concorrência está em 30 candidatos para uma única vaga. Os outros cursos mais procurados foram Enfermagem e Fisioterapia.

Esta é a terceira vez que a universidade destina vagas exclusivas para descententes de índios. Para cada uma das 57 graduações da UFSCar, há uma vaga em específico para essa etnia. Atualmente já estudam na UFSCar 32 estudantes indígenas de 12 etnias diferentes.

As provas serão realizadas em São Carlos, no câmpus da UFSCar, nos dias 14 e 15 de janeiro.

Para o vestibular de 2010, a UFSCar recebeu 225 pedidos de inscrição. Destes, 189 foram aceitos – 115 para cursos do câmpus de São Carlos, 27 para Sorocaba e 7 para Araras. Em 2009, a UFSCar teve 111 candidatos concorrendo às 57 vagas. Medicina, Enfermagem e Fisioterapia também foram os mais procurados.

Recursos
Aqueles que tiveram o pedido indeferido poderão entrar com recurso até o dia 27 de novembro (sexta-feira).

De acordo com a UFSCar, o recurso precisa ser justificado por escrito e apresentado pessoalmente, ou por procuração, na Fundação Vunesp, localizada na Rua Dona Germaine Burchard, 515, Água Branca, São Paulo.

Não será admitida a inclusão de nenhum documento além dos já apresentados na inscrição.

A lista de pedidos de inscrição aceitos e indeferidos pode ser obtida no site www.vestibular.ufscar.br, onde também se encontra as justificativas dos indeferimentos.

A convocação para as provas será divulgada no dia 21 de dezembro, exclusivamente pela Internet, na página do Vestibular da UFSCar e no portal da Fundação Vunesp, em www.vunesp.com.br.