As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Vestibulandos acham Unesp mais fácil que Enem e Unicamp

Redação Estadão.edu

17 Novembro 2013 | 18h17

Luciano Bottini e Sarah Brito, especial para o Estado

A prova da Unesp realizada nessa tarde foi considerada fácil por vestibulandos que fizeram o vestibular em Campinas, em São Paulo. “A parte de humanas estava mais difícil que o restante, como física, matemática e química”, afirmou o estudante Otávio Juliano, de 17 anos. Ele considerou a prova mais fácil e mais conceitual em comparação com o vestibular da Unicamp, realizado no último domingo. Juliano fez a prova da Unesp como treino: ele quer entrar no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA ), em São José dos Campos.

A estudante Nathália Nacano, de 17 anos, também achou a prova mais fácil. “É mais tranquilo sem a redação na primeira fase. O ajuste do tempo é melhor e fico menos nervosa”, disse. Nathália quer fazer o curso de Veterinária.

Para o estudante Pedro Henrique, de 18 anos, a prova estava mais organizada que o Enem e Unicamp. “Tinha fiscal na porta antes de entrar e foram rígidos com o uso do celular”, disse.

Em Campinas, o índice de abstenção da prova foi de 6,4%.  Na média, o índice de faltosos foi de 9%.

Na Unip da Água Branca, zona oeste da capital paulista, o comentário geral era de que a prova não estava difícil. “Achei simples em comparaçao ao Enem”, disse a vestibulanda Isabela Nicossi, de 16 anos, que tenta uma vaga em Artes Visuais. Segundo Isabela, até a parte de exatas, que costuma ser o maior desafio para ela, não houve um grau elevado de exigência.