As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pais de candidatos improvisam batucada para relaxar os filhos

Redação

07 Novembro 2010 | 14h48

RECIFE – Em Pernambuco, o segundo dia de provas do Enem começou sem problemas graves. A polêmica ocorrida ontem, quando muitos alunos se queixaram de falhas nas provas e gabaritos, acabou aumentando a ansiedade de alguns candidatos. No câmpus da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), vários pais e amigos faziam de tudo para tentar relaxar os estudantes, alguns improvisaram uma batucada com instrumentos musicais, outros aproveitavam a sombra das árvores para descansar e dar uma revisada nos livros e apostilas.

Para Gabriel Nunes, 23 – que ontem fez pegou uma das provas amarelas, que apresentavam problemas de impressão em alguns estados – esparava “melhor sorte” para hoje. “Eu consegui fazer a prova, mas soube de gente que teve dificuldade de ler por conta das falhas e da repetição de questões. Sinceramemte, depois de tanta confusãp, espero que hoje as coisas corram mais tranquilas. Tem muita gente dizendo que acha do exame deveria ser cancelado, mas como não sei o que pode acontecer estou fazendo o meu melhor”, destacou o estudante que faz o exame para tentar uma gava em economia, na Universida Federal de Pernambuco.

O balanço parcial de abstenções, neste segundo dia, em Pernambuco, é de 87 faltosos em todo o estado.

(Monica Bernardes para o Estadão.edu, de Recife)