As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Oliva mantém liderança, mas não chega à maioria absoluta

Redação

11 Novembro 2009 | 17h39

A eleição na USP continua indefinida. O diretor do Instituto de Física de São Carlos, Glaucius Oliva, voltou a ser o mais votado, mas ficou a 2 votos de atingir a maioria absoluta e entrar como primeiro colocado na lista tríplice que seguirá para o governador José Serra. A eleição será definida no terceiro escrutínio, no qual vale apenas o número de votos de cada candidato, sem a necessidade de maioria absoluta. Veja a seguir a votação de cada candidato no segundo escrutínio:

Glaucius Oliva – 162 votos
João Grandino Rodas – 106 votos
Armando Corbani Ferraz – 79 votos
Sonia Penin – 64 votos
Ruy Alberto Corrêa Altafim – 55 votos
Francisco Miraglia – 17 votos
Wanderley Messias da Costa – 10 votos
Sylvio Sawaya – 6 votos

Os 274 eleitores presentes no Memorial da América Latina podem escolher até três candidatos. Foram computados no segundo escrutínio 819 votos, entre os quais 316 brancos e 6 nulos.