As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Na Unip, fiscal avisou candidatos de erro no gabarito às 13h20

Redação

06 Novembro 2010 | 16h07

Um fiscal avisou por volta de 13h20 aos candidatos de uma das salas da Unip do Paraíso, zona sul de São Paulo, que havia um erro no gabarito da prova do Enem. “Acho que não atrapalhou muito o pessoal, pelo menos não me atrapalhou. Todo mundo continuou fazendo a prova normalmente”, disse Ana Carolina Ballansabe, de 17 anos, aluna do Colégio Mobile, que prestou o exame na Unip do Paraíso, zona sul. Os inscritos no Enem responderam hoje a 90 questões. Os primeiros 45 itens da folha de prova eram de Ciências Humanas. Do número 45 ao 90 eram de Ciências da Natureza. No gabarito a ordem estava invertida: de 1 a 45 estavam questões de Ciências da Natureza e de 45 a 90, as de Ciências Humanas. Ana fez um dos quatro modelos de prova, identificado pela cor rosa (as questões são idênticas, mas a ordem de cada uma varia de um modelo de prova para outro, para evitar cola em sala de aula). “Pelo que o fiscal disse, o gabarito estava errado em todos os modelos.”