Mais da impressora 3D
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mais da impressora 3D

Carolina Stanisci

05 Agosto 2010 | 18h14

vinheta - fabio teixeira - pontoedu

Esta semana tive a oportunidade de visitar a sede da Autodesk , empresa de software e conteúdo digital, e uma das participantes – junto com o Google – da fundação da Singularity University.

Ela é especialista em 3D e já tem no mercado vários softwares de design e entretenimento. Uma coisa muito interessante que vi foi um projeto no qual o pessoal da Autodesk quer mapear uma cidade inteira com um scanner 3D acoplado a um avião. Dessa forma, casas, prédios, pontes, ruas, enfim, cada detalhe da cidade seria registrado pelo scanner durante o voo. Depois, imprimiriam a cidade inteira em uma impressora 3D para fazer uma pequena maquete.

Também conhecemos alguns softwares capazes de desenhar qualquer apartamento em 3D. Alguém poderá dizer: mas isso já existe! Pois é, mas o projeto da Autodesk vai além do que já existe: o software analisa cada partícula de luz, seus reflexos e como as cores e os objetos afetam os ambientes.

É possível descobrir onde cada partícula de luz vai incidir e refletir em qualquer parte do cenário. Isto significa que é possível ter um protótipo de ambiente exatamente igual ao real. Fomos desafiados o tempo inteiro para descobrir qual imagem era a foto verdadeira e qual era resultado do software. Foi simplesmente impossível de descobrir. 
 
Eles também têm uma sala repleta de brinquedos high tech: um motor de avião impresso em tamanho real por uma impressora 3D e um Mustang Shelby 500 totalmente desenhado pelo softwarwe da Autodesk.

Veja a cidade de Londres sendo escaneada aqui!