Inscrições para o ProUni do segundo semestre se encerram nesta sexta
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Inscrições para o ProUni do segundo semestre se encerram nesta sexta

Para bolsas integrais, candidato deve ter renda familiar de, no máximo, um salário mínimo e meio; mais de 300 mil já acessaram

Redação Estadão.edu

09 Junho 2017 | 10h31

BRASÍLIA – As inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) do segundo semestre de 2017 terminam nesta sexta-feira, 9. Estão sendo oferecidas 147.492 bolsas em 1.076 instituições privadas de educação superior. O prazo foi aberto na última terça-feira, 6, e até as 13 horas de quinta-feira, 8, o Ministério da Educação (MEC) já registrava 307.668 inscritos, em um total de 593.691 inscrições.

Com 35.047, o Estado de São Paulo lidera o número de bolsas ofertadas (Foto: Portal Brasil)

O estudante pode selecionar até duas opções de curso, entre os 27.237 disponíveis.

Os interessados em participar do ProUni podem consultar as bolsas oferecidas e se inscrever na página do programa na internet. O número de bolsas oferecidas é 17% maior em relação à segunda edição do programa do ano passado. Do total de bolsas, 67.603 são integrais e 79.889, parciais.

O ProUni é voltado para estudantes da rede pública ou bolsistas integrais de escolas particulares. Também estão incluídas as pessoas com deficiência e professores da educação básica em escolas públicas que compõem o quadro de pessoal permanente da instituição.

Podem concorrer às bolsas do ProUni estudantes brasileiros que não tenham diploma de curso superior e tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016, obtido mínimo de 450 pontos na média de notas do exame e não tenham zerado a redação.

Renda

Os candidatos que pleitearem bolsas integrais devem ter renda familiar bruta mensal per capita de, no máximo, um salário mínimo e meio. No caso da bolsa parcial, a renda familiar não pode ser maior do que três salários mínimos.

No caso dos professores, a oferta é restrita aos cursos de licenciatura, e não há necessidade de cumprir o requisito da renda. O ProUni tem ainda ações conjuntas com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que permite ao bolsista parcial financiar a parte da mensalidade não coberta.

O Estado de São Paulo lidera o número de bolsas ofertadas (35.047), seguido de Minas Gerais (16.610) e do Paraná (11.590). O maior número de bolsas oferecidas está concentrada nos cursos de Engenharia (16.314), Administração (14.273), Pedagogia (10.191) e Direito (8.606). Para Medicina, há 658 vagas disponíveis.

Cronograma

O processo seletivo será constituído de duas chamadas sucessivas – a primeira ocorrerá na segunda-feira, 12, e a segunda está prevista para o dia 26.

O candidato selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de educação superior para a comprovação das informações prestadas e a eventual participação em processo seletivo próprio, quando for o caso, no período dos dias 12 a 19, na primeira chamada, e dos dias 26 a 30, na segunda chamada.

Para participar da lista de espera, o estudante deverá manifestar seu interesse na página do programa, entre 7 e 10 de julho. A lista estará disponível no sistema, para consulta pelas instituições de educação superior, no dia 13 de julho. Nesse caso, o candidato deverá comparecer à instituição e entregar a documentação no período de 17 a 18 de julho. /ANDREIA VERDÉLIO, DA AGÊNCIA BRASIL

Mais conteúdo sobre:

prouniensino superior