As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Fuvest tem prova sem supresas e imagens, diz coordenador do Cursinho Etapa

Redação Estadão.edu

05 de janeiro de 2014 | 19h59

Guilherme Soares Dias

A prova do primeiro dia da segunda fase da Fuvest foi “sem surpresas”, de acordo com o coordenador de Português do Cursinho Etapa, Heric José Palos. Para ele, a redação tinha tema atual e pedia reflexão do aluno. “A novidade é que o tema não foi explicitado. A dissertação deveria ser feita a partir de texto dado, sem frase resumida”, afirma, ressaltando ainda que o texto se destinava a publicação.

Já a parte de Português e Literatura traziam, segundo Palos, enunciados claros. “Caiu também o único livro que não tinha sido pedido na primeira fase: Tio, de José de Alencar”, lembra. Ele ressalta ainda que a prova não teve interpretação de imagens como em outros anos. “Além disso, havia apenas um texto difícil do Fernando Pessoa, mas com perguntas fáceis sobre ele”, considera.

 

 

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.