As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Segunda fase da Fuvest começa com 7,1% de abstenção

Redação

03 Janeiro 2010 | 16h35

A prova de português e redação que abriu a segunda fase da Fuvest neste domingo teve 7,1% de abstenção. Faltaram ao exame 2.695 dos 35.273 candidatos convocados. No ano passado, 5,8% dos candidatos faltaram ao primeiro dia de prova.

Também foram convocados para a etapa decisiva da Fuvest 2.380 treineiros, que, por não terem concluído o ensino médio, não entram na disputa das 10.812 vagas oferecidas (10.622 na USP, 100 no curso de Medicina da Santa Casa e 90 na Academia de Polícia Militar do Barro Branco). O exame está sendo realizado em 44 locais (19 na capital e Grande São Paulo, 22 no interior do Estado e 3 em outras capitais).

Belo Horizonte apresentou a maior taxa de abstenção, com 46,81% de ausentes, ou 88 de 188 inscritos para a capital mineira. Em segunda lugar, ficou Brasília, com 12,24%, ou 64 ausentes em 523 inscritos. Sorocaba foi o local com a menor taxa de abstenção, 5,63% (49 faltas entre os 871 convocados).

Amanhã, 4 de janeiro, os candidatos devem responder a 20 questões de disciplinas que constituem o núcleo comum do ensino médio (história, geografia, matemática, física, química, biologia, inglês) e a questões interdisciplinares. Além de caneta esferográfica azul ou preta, lápis, borracha, água e alimentos, são necessários régua graduada, esquadros, transferidor e compasso.