Entidades saem em defesa da ‘identidade de gênero’ em PME
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Entidades saem em defesa da ‘identidade de gênero’ em PME

Grupo vai se reunir para um debate na próxima quarta-feira, 5, às 19 horas, no Salão Nobre da Câmara Municipal, no centro de SP

Paulo Saldaña

30 Julho 2015 | 09h51

 Por Luiz Fernando Toledo

SÃO PAULO – Para fazer pressão contra a derrubada da identidade de gênero no Plano Municipal de Educação (PME), a ser votado  na Câmara Municipal em agosto, um grupo de entidades da capital vai se reunir para um debate na próxima quarta-feira, 5, às 19h, no Salão Nobre da casa.

“Nós queremos manifestar nosso repúdio contra essas manifestações de intolerância e intromissão fundamentalista na votação do Plano Municipal de Educação da cidade de São Paulo. Queremos reafirmar os princípios para uma educação de qualidade. A educação que queremos é formadora, transformadora e libertadora”, diz o texto do evento.

Em julho, os vereadores de São Paulo derrubaram, por sete votos a um, parecer ao texto do Plano Municipal de Educação (PME) de São Paulo que incluía, entre as metas, a promoção da igualdade de gênero nas escolas. Com isto, a discussão ficou fora do PME e segue o mesmo caminho do Plano Nacional de Educação (PNE), que no ano passado enfrentou resistência quanto a este ponto, que acabou eliminado do texto final.

Veja o convite completo:

Mais conteúdo sobre:

PMEPNE