As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Enem deve ter abstenção alta

Redação

06 Dezembro 2009 | 16h12

COM INFORMAÇÕES DA AGÊNCIA BRASIL

O Ministério da Educação só fará o anúncio na noite de hoje, mas o indice de abstenção do Enem deverá ser alto. Em São Paulo, estudantes afirmaram ter feito a prova em salas com mais da metade das carteiras vazias. Em Manaus, de acordo com a Agência Brasil, o número de ausentes pode ser superior a 30 mil, o que equivale a cerca de 30% do total de inscritos na cidade.
Na capital paulista, candidatos que prestaram o Enem no câmpus da Unip em Pinheiros, zona oeste da capital, disseram que foi alto o número de alunos que desistiu de fazer a prova. Segundo os responsáveis pela segurança, a abstenção já tinha sido alta ontem: cerca de 45%.
O estudante Brian Bacaline disse que menos da metade dos inscritos na sua sala compareceram para fazer a prova no primeiro dia. “Como a USP não vai usar (a nota do Enem como forma de ingresso), muita gente pula fora.”
A situação foi semelhante na sala da candidata Bruna Paes. Ela contou que não desistiu de fazer a prova porque uma das instituições para as quais ela vai prestar vestibular ainda usará a pontuação no Enem como parte da avaliação. “Antes de acontecer aquele tumulto de roubarem a prova, o Enem estava valendo para a Fuvest e outras universidades que eram do meu interesse. Agora a única que vale ainda, das que eu vou fazer, é a Unifesp.”
Em Manaus, o clima nos locais de prova é de normalidade. O número de atrasos hoje deve ser significativamente inferior ao de ontem, segundo a coordenação estadual do exame.
“Tivemos um pouco de tudo para justificar os atrasos. Teve aluno que se atrapalhou com o horário da prova, que se atrasou por causa do trânsito ou encontrou alguma dificuldade para chegar até a sala da prova”, disse o representante da Gerência de Ensino Médio da Secretaria de Educação do Amazonas, Jeordani Andrade.
Além das dez horas de provas relativas ao Enem, os estudantes do ensino médio do Amazonas ainda terão amanhã e terça-feira o vestibular da Universidade Estadual (UEA). Nessa instituição, a nota do Enem será utilizada para compor a nota final da primeira etapa (prova de Conhecimentos Gerais).