As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Candidato desmaia e vai para hospital

Redação

06 Dezembro 2009 | 13h54

Um candidato ao Enem passou mal durante a prova no câmpus da Uninove da Barra Funda, zona oeste de São Paulo, e teve de ser levado à Santa Casa. Segundo as primeiras informações dos fiscais, o estudante, de 33 anos, chegou ao hospital inconsciente, mas respirando, e foi levado ao setor de emergência da Santa Casa.
Funcionários da Uninove acreditam que o candidato teve uma parada respiratória. Ele desmaiou na sala e foi levado à enfermaria do câmpus. Fiscais do Enem chamaram uma ambulância ao local, mas, em virtude da demora na chegada, funcionários da própria Uninove levaram o rapaz para a Santa Casa.
Os portões da Uninove fecharam às 13 horas em ponto neste domingo, ao contrário de ontem, quando candidatos ainda conseguiram entrar às 13h12. Mesmo assim, pelo menos dez estudantes ficaram de fora e perderam o Enem. PMs em quatro carros reforçaram a segurança do câmpus, mas não houve protestos como no sábado, quando centenas de alunos bloquearam a Rua Tagipuru.
“Achei que terei dez minutos de tolerância, como ontem”, disse Venilson Batista, de 19 anos, um dos atrasados. “A sensação é muito ruim, o Enem seria muito importante. Eu me atrasei porque tive de trabalhar de manhã e só saí do emprego às 11h40.”
Karen Monteiro foi outra candidata barrada na porta da Uninove. “Ontem cheguei com uma hora de antecedência e fui bem na prova. Hoje tinha certeza de que iria ainda melhor, porque tem a prova de Linguagens, que é a minha área”, disse Karen, que pretendia usar a nota do Enem para entrar no curso de Artes Cênicas da Unifesp.