As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Defensoria Pública da União vai recomendar anulação de questões do Enem

Redação

28 Outubro 2011 | 18h59

A Defensoria Pública da União (DPU) informou que enviará recomendação ao Inep (braço do MEC responsável pelo Enem) a a anulação das questões idênticas às do simulado do Colégio Christus, de Fortaleza. Eis a nota na íntegra:

“Brasília, 28/10/2011 – A partir da constatação do vazamento de 14 questões da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), aplicada no último fim de semana, a Defensoria Pública da União enviará, nesta sexta-feira (28), recomendação ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) para que sejam anulados os itens comprometidos para todos os estudantes ou para que o certame seja cancelado de forma integral.

O defensor público federal Ricardo Salviano, titular do ofício de Direitos Humanos e Tutela Coletiva no Distrito Federal, é o autor da recomendação. “Como se trata de um concurso nacional, a solução não pode ser apenas no âmbito local, já que ela interfere na garantia da isonomia entre todos os candidatos”.

A DPU aguardará prazo de 10 dias para que o Inep se manifeste.

O que é uma recomendação?

De caráter extrajudicial, serve como alerta sobre a necessidade de providências para resolver uma situação irregular ou que possa levar a alguma ilegalidade. Não obriga a outra parte a segui-la, mas, se não for acatada, o defensor, a partir de então, poderá tomar providências na esfera judicial, como mover uma ação civil pública.

Comunicação Social DPGU”

Siga o Estadão.edu no Twitter