Porque criar é preciso

Porque criar é preciso

Oficina do Estudante

17 Março 2016 | 12h48

Faaaaaala pessoal, tudo bem? Como vocês estão? E não é que a quinta-feira já chegou? O fim de semana já ta praticamente aí. E vocês, o que pretendem fazer? Viajar? Curtir os pais? Sair com os amigos, namorados (as), ir ao cinema, ou simplesmente ficar largado no sofá assistindo Netflix e/ou jogando videogame? Bom, seja o que for, aproveitem! E caso ainda não tenham pensado em nada, que tal uma sugestão? Já pensaram em exercitar o lado fotógrafo de vocês? Se não, pega essa dica.

Foto: Wesley Bastos

Foto: Wesley Bastos

Já dizia um professor da minha faculdade que fotografar não é simplesmente apertar um botão. É contar uma história, retratar, denunciar, criar por meio da imagem. Num sentido mais amplo dessa história toda, é exercitar o nosso lado mais observador, mais sensível. “Ah mas Rapha, eu não tenho máquina profissional, eu não sei tirar foto e bla bla bla”. Ta, pega todo esse mimi e deixa de lado. Quando se tem vontade, a gente dá um jeito. Além disso, hoje em dia, tem muito celular aí melhor que máquina fotográfica e com tantos recursos quanto. Ou seja meus queridos e queridas, vocês não precisam gastar uma fortuna, vender um rim para comprar uma máquina e ser feliz.

Foto: Wesley Bastos

Foto: Wesley Bastos

Prova disso é o que tá rolando aqui pelo Colégio. A gente tem um projeto bem bacana chamado “Dê o click” que incentiva esse lado criativo dos alunos. Divididos em grupos, eles produzem ensaios fotográficos e mini-documentários sobre um determinado tema.

estadao_1

Arte: André Cardoso

Este ano, a pauta é “As 7 maravilhas de Campinas”. Além de terem aulas de foto e vídeo, nesta semana os estudantes fizeram um city tour conhecendo os pontos que eles vão ter que retratar. A proposta do “Dê o Click” é introduzir os estudantes à rotina da cidade e ao mesmo tempo em que eles tem uma verdadeira aula de História. Ao final do concurso, os melhores são premiados.

Foto: Wesley Bastos

Foto: Wesley Bastos

Você que ta lendo aí também pode criar seu próprio “Dê o Click”. Junte seus amigos, saia para fotografar, desbravar e descobrir. Os resultados podem te surpreender.

Foto: Wesley Bastos

Foto: Wesley Bastos

E aí, #partiufotografar ?