Entenda as questões interdisciplinares do Enem

Entenda as questões interdisciplinares do Enem

Oficina do Estudante

29 de setembro de 2021 | 14h18

As questões interdisciplinares, aquelas que misturam conteúdos de diferentes disciplinas do Ensino Médio, estiveram mais presentes nas últimas três edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), na comparação com anos anteriores. A afirmação é do coordenador estratégico e professor de Física do Curso Pré-Vestibular Oficina do Estudante de Campinas (SP), Anderson Bigon Antunes Rodrigues, o Bill.

LEIA: UNIDADE PAINEIRAS: UMA ESCOLA DO FUTURO

LEIA: ESCOLA DE CAMPINAS SERÁ A PRIMEIRA NO BRASIL COM PARQUE TEMÁTICO DE DINOSSAUROS 

O docente ressalta que esse tipo de questão equivale a 6% do exame. “ Em 2018, das 180 questões do Enem, contando primeiro e segundo dias, apenas quatro questões tinham caráter interdisciplinar; já em 2020, a quantidade passou a ser de 11 questões, sendo oito envolvendo as áreas de Ciências Humanas e Linguagens; e as outras três de Biologia e Química”, informou. 

O que é uma questão interdisciplinar?

O educador esclarece que questões interdisciplinares são aquelas que, para serem interpretadas e respondidas, é necessário o conhecimento de mais de uma disciplina. “Cabe ressaltar que questões interdisciplinares do Enem não costumam seguir essa linha. O que podemos classificar como interdisciplinar nos exames do Enem são questões que envolvem mais de uma matéria, ou seja, que existem formas de resolver tal questão sobre a ótica de disciplinas diferentes”, destaca. 

Bill frisa ainda que, neste contexto, quando o Enem “cobra” questões interdisciplinares, “dá a oportunidade para alunos responderem perguntas de História, por exemplo, considerando a Filosofia e a Sociologia, ou questões de Biologia considerando pontos de vista da Química”. 

ASSISTA: 5º EPISÓDIO DO “DE OLHO NO ENEM” FALOU SOBRE AS QUESTÕES INTERDISCIPLINARES 

Qual é a melhor forma de se preparar para as questões interdisciplinares?

Segundo o coordenador estratégico e professor de Física, é importante que o aluno entenda, no que concerne à preparação para responder esse tipo de pergunta, que “existem assuntos que podem ser estudados de forma conjunta, por exemplo, Literatura com História, fazendo a relação entre acontecimentos históricos e escolas literárias”.

Cita também a possibilidade de estudar Português e Artes, fazendo interpretação de imagens e relacionando com movimentos artísticos, entre outras. 

Exemplo: 

Neste exemplo, do Enem 2020, Bill aponta que são abrangidas: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Português e Ciências Humanas e suas Tecnologias; Filosofia e Sociologia

Filosofia: a escrita filosófica de Montaigne reflete um novo contexto da produção no campo da Filosofia, apresentando reflexões e análises subjetivas. 

Sociologia: o ensaio corresponde a um gênero escrito que tem sido muito utilizado por pensadores sociais. Permite criar conexões de pensamento mais livres.

Português: o artigo faz referência a um novo gênero literário. O autor manifesta subjetividade ao incluir hesitações, autocríticas e correções.

Com as conclusões acima, Bill afirma que, independente da ótica escolhida pelos alunos, a alternativa correta é a “B”.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.