Colégio estimula cultura de administração de conflitos

Colégio estimula cultura de administração de conflitos

Oficina do Estudante

28 de setembro de 2018 | 11h30

Por Juliano Sanches

E-mail: imprensa@oficinadoestudante.com.br

Para além dos potenciais cognitivos e motores, o Colégio e Curso Oficina do Estudante possui um planejamento pedagógico dirigido à formação socioafetiva do aluno. No Ensino Fundamental, a empatia é associada à percepção de mundo. Por meio da abertura despertada pelas emoções presentes em cada diálogo, o aluno se reinventa a todo momento e, por consequência, amplia as referências a respeito da vida em sociedade. A pintura, o esporte, a música e a dança entregam ludicidade ao ambiente.

No dia a dia das empresas, não basta compreender e dominar a técnica. É necessário resolver conflitos a partir da negociação de critérios em grupo, o que demanda o acúmulo de experiências relacionadas à convivência com a pluralidade e a diversidade.

Quando se lida com problemas recorrentes em corporações, estimula-se a autonomia do estudante. O Colégio está em sintonia com as dinâmicas da contemporaneidade, que exigem uma série de competências, entre elas, responder às complexidades dos meios tecnológicos.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: