Dicas para mandar bem no novo TOEFL iBT – “Quarentena Edition”
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dicas para mandar bem no novo TOEFL iBT – “Quarentena Edition”

Paula Braga

13 de julho de 2020 | 12h57

Nesta semana, convidei a Dra. Renata Mendes, professora especialista em preparação de GMAT e TOEFL, para falar das mudanças que o TOEFL iBT sofreu ao se adaptar para sua versão Home Edition.  Você pode achar que estamos falando de uma série de detalhes.  E estamos.  Porém são detalhes que se traduzem em dicas preciosas na hora de fazer a prova.  E quem já tentou a prova sabe: cada minuto economizado, conta!

Portanto, se você pretende fazer a prova nos próximos meses, trata-se de um artigo imperdível 🙂

 


 

Com o distanciamento social imposto pela pandemia do Covid-19, a maioria das atividades comerciais tiveram que ser adaptadas ou reinventadas. Restaurante virou delivery, academia virou exercício por aplicativo, viajar virou faxinar, etc.) E a prova de proficiência de inglês TOEFL iBT? O que ocorreu com a tradicional prova presencial?

O que antes acontecia em centros de testes espalhados por várias cidades ao redor do mundo, o TOEFL iBT, elaborado e aplicado pela Educational Testing Services (ETS), agora conhecido por TOEFL iBT Special Home Edition, pode ser feito no seu computador da sua própria casa, à princípio até o dia 30 de setembro de 2020. A comodidade de fazer a tradicional prova desde o conforto de seu lar é excelente, porém há alguns pontos que se recomenda prestar atenção.

Em primeiro lugar, vale ressaltar que a prova é igual àquela que os alunos fazem nos centros de testes. A pontuação das quatro seções é feita da mesma forma (30 pontos por seção), e o tempo para cada seção também continua o mesmo. Porém, existem algumas pequenas adaptações, usando um computador de mesa ou laptop, obrigatoriamente com uma câmera instalada. Então, vamos lá:

  1. Antes de mais nada, e sabendo que você não poderá utilizar lápis e papel no dia da prova, você deverá ter em mãos um dos seguintes materiais para tomar notas: (a) quadro branco tamanho A4 ou similar, ou (b) pasta em L de plástico transparente com uma folha A4 usada por dentro. Esses materiais podem ser adquiridos em papelarias, por isso é recomendável providenciá-los antes do dia da prova. Você escreverá na pasta plástica ou no quadro com marcadores para quadro branco e usará um apagador (ou pano/tecido para apagar). No final de cada seção e no final da prova, você terá que mostrar ao inspetor o quadro ou a pasta totalmente limpa. Esse seria o equivalente ao procedimento que é feito quando as pessoas saem do centro de teste sem nenhum papel ou anotação.

 

  1. Assim que você fizer sua inscrição no site da ETS (ets.org), você será solicitado a criar uma conta no site “ProctorU”, e a partir daí você poderá marcar a data da sua prova. Em outras palavras, a ETS aplica a prova através do site da “ProctorU”.

Ahh, por sinal, “proctor” significa inspetor de provas. Portanto, o programa nada mais é que o inspetor remoto que estará com você durante toda a prova, utilizando a câmera do seu computador, e te auxiliando caso haja algum problema durante a prova. Vale ressaltar que esse inspetor terá visão completa do seu ambiente de prova, ou seja, ele poderá ver tudo ao seu redor e atrás da sua cadeira. É de suma importância seguir as orientações do site da ETS de como se vestir (dress-code); por exemplo, não usar bonés, chapéus, ou brincos, e cabelo longo deve estar preso.

 

  1. Detalhes do “ProctorU”: O programa não pode acessar os arquivos do seu computador sem o seu conhecimento. Porém, com a sua permissão, o inspector poderá ver a sua tela e mexer no seu teclado e mouse como se ele estivesse sentado ao seu lado.

 

  1. Algo muito importante que não é mencionado no site: você deverá desinstalar o “firewall” do seu computador antes do início da prova para que o programa da ETS possa funcionar corretamente. Isso possibilitará ao inspetor ter acesso total ao seu computador, assegurando que sua máquina só será usada para a prova. Poderíamos chamá-lo de “hacker” do bem? Acredito que sim.

Quero aqui mencionar que já tive alunos que demoraram mais de uma hora para começar a prova pois não conseguiam desinstalar o “firewall”. Eles precisaram da ajuda do inspetor e de um especialista da “ProctorU” para então seguirem as instruções passo-a-passo. Finalmente tudo deu certo.

 

  1. Outro procedimento essencial que não é explicado no site: antes do início da prova, aparecerá uma caixa de diálogo pedindo a inserção de um código (ID). Atenção: Não insira. Espere! Digo isso pois um de meus alunos tentou por várias vezes inserir o número da inscrição, não deu certo; depois tentou o número de registro na ETS, não deu certo. Só depois de várias tentativas o inspetor explicou que seria ele quem devia inserir os códigos pedidos. Portanto, um conselho: sempre converse com seu inspetor, seja antes ou durante a prova.

 

  1. Por fim, um conselho: baixe o programa do “ProctorU” com bastante antecedência, na véspera do dia da prova faça um teste para ver se tudo funciona corretamente, e caso seja necessário, ligue na central de atendimento (+1-855-772-8678) para que tudo fique pronto para a prova.

Em função desses pequenos, mas significativos detalhes mencionados acima, você pode esperar algum atraso para o início da prova. Sabendo disso, não se esqueça de se alimentar bem antes da prova.

Boa sorte e que você consiga sua nota tão desejada!!


 

Doutora em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem pela PUC-SP, com tese sobre o curso preparatório para o Exame de Proficiência em Inglês TOEFL iBT, mestre em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, especialização em Docência para o Ensino Superior pelo SENAC, graduação em Lazer e Indústria do Entretenimento pela Universidade Anhembi Morumbi. Professora autônoma de inglês e tradutora-intérprete inglês-português, membro do grupo de pesquisa Gealin – Abordagem Instrumental e Ensino-aprendizagem de Línguas em Contextos Diversos, da PUC-SP, e assistente editorial da Revista Acadêmica the ESPecialist, do Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da PUC-SP. Elaboradora de Curso Preparatório para os Exames TOEFL iBT, IELTS e GMAT Verbal, ministrados na modalidade 1-to-1 com material didático exclusivo para brasileiros.


 

Contato: simoes.re@gmail.com

Site: www.toefl121.com.br

CV Lattes: acesse aqui

Blog: acesse aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: