Crianças desenvolvem autonomia ao aprender a amarrar os cadarços

Crianças desenvolvem autonomia ao aprender a amarrar os cadarços

Colégio Marista Glória

20 de julho de 2022 | 09h40

Alunos do Colégio Marista Glória desenvolvem técnica divertida que ajuda na aprendizagem da autossuficiência da criança

Com o objetivo de proporcionar benefícios para a autoestima, coordenação motora com as duas mãos, percepção visual, espacial e temporal, bem como a sequenciação de movimentos, os pequenos do Integral do Colégio Marista Glória, vivenciaram a experiência de aprender a amarrar os cadarços.

Eles produziram um tênis, utilizando papelão, para que pudessem treinar a amarração dos cadarços na prática.

A tarefa pode ser considerada automática pelos adultos, porém, na vida das crianças, é um símbolo no desenvolvimento, pois incentiva a interação e promove a autonomia.

“O desenvolvimento das crianças é algo gradativo e o ato de aprender a amarrar os sapatos é um marco na trajetória das conquistas e descobertas, possibilitando a independência”, afirma a professora responsável pela atividade, Amanda Helena da Silva Fragoso.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.