Alunos do Glória produziram os próprios ovos de Páscoa

Alunos do Glória produziram os próprios ovos de Páscoa

Colégio Marista Glória

18 Abril 2017 | 17h09

Os alunos da Educação Infantil e 5° ano do Ensino Fundamental do Colégio Marista Glória celebraram a Páscoa de uma maneira diferente. Eles foram para a cozinha experimental e fizeram doces de Páscoa para trocar entre eles.

 

Segundo Wagner Botelho, coordenador do Núcleo da Pastoral, o objetivo da atividade é resgatar o sentido da Páscoa e mostrar o quanto é prazeroso dar algo que vem repleto de carinho e atenção do nosso tempo.

 

“Cada pedaço de bolo ou ovinho que deram e receberam tem um sentido diferente e bem mais significativo, pois ofertar algo a alguém é uma boa oportunidade de estreitar vínculos afetivos e transmitir o quanto nos importamos com o próximo”, explica.

PáscoanoGloria (1)

Para celebrar a data, também foram criados pequenos grupos para conversar sobre o que é Páscoa, e porque é comemorada e acontece troca de ovos de chocolate, nesta ocasião. Na sequência, para a troca dos doces de Páscoa, as crianças foram acolhidas no anfiteatro do Colégio, que estava iluminado por velas, e decorado com símbolos que remetam à Páscoa, como o Círio Pascal, o pão, o vinho e as uvas. Além disso, o pão partilhado neste dia será produzido pelos alunos da Educação Integral.

 

“Queremos mostrar aos nossos alunos a vivência dos valores, como alegria e partilha, para que o ganhar, o acumular, ou o desafio de ter ovos, brinquedos – cada vez maiores, melhores e diferentes, não se sobreponha ao real sentido de presentear e ser presenteado”, finaliza Botelho.