Alunos do Mágico de Oz desenvolvem prótese em impressora 3D

Alunos do Mágico de Oz desenvolvem prótese em impressora 3D

Atividade da Educação Infantil envolveu robótica, matemática e muita criatividade!

COLÉGIO MAGNO/MÁGICO DE OZ

30 Maio 2016 | 08h37

Sabe aquela história de que a união faz a força e juntos podemos transformar sonhos em realidade? No projeto Planeta Olímpico não falta engajamento e a turma do Alfa (1º ano) se mobilizou para ajudar o boneco Marck, o mais novo amigo norte-americano que perdeu a perna após um acidente.

Mas não pense que Marck é do tipo que reclama da vida ou é um garoto desanimado. Ele deu a volta por cima para escrever uma nova história como atleta paralímpico e se destacar no salto em distância.

IMG_2025

Para alcançar bons resultados no Rio 2016, Marck pediu ajuda aos alunos do Mágico de Oz, que desenvolveram junto com o professor de Robótica, Edson Ferraz, uma prótese de última geração na impressora 3D.

IMG_1991

O trabalho não envolveu só criatividade – que, diga-se de passagem, os nossos “designers de plantão” têm de sobra. Eles também tiveram que usar o paquímetro, um instrumento para medir com precisão, e colocaram em prática seus conhecimentos matemáticos. Afinal, quantos centímetros deve ter a prótese?

A turma ainda observou atentamente os lados direito e esquerdo para não errar a mão, ou melhor, o pé!

Com todos os dados em mãos, os alunos fizeram a primeira reunião com o professor, que passou as ideias para o programa de modelagem virtual Blender.

IMG_2069

A partir daí, foi difícil tirar os olhos da impressão. Eles fizeram questão de acompanhar de perto a confecção da prótese em forma de gancho.

Depois de algumas horas, Marck finalmente garantiu sua participação nos Jogos Paralímpicos com sucesso! Parabéns ao atleta e aos nossos projetistas, que descobriram na prática a importância do trabalho em equipe e que o conhecimento não tem limites.

IMG_4117

IMG_4114