Falando sobre sentimentos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Falando sobre sentimentos

Escola Eduque

26 Setembro 2016 | 12h03

IPHONE-VIVI-25-02-170Como marca pedagógica da Eduque, ressaltamos um eixo que transversaliza todo o Projeto Curricular – Formação Pessoal e Social: Identidade e Autonomia – que aponta para a necessidade de se investir na formação humana com o foco em valores. Nas aulas de OE (Orientação Educacional), os alunos do 2º ano foram convidados a refletir sobre sentimentos, emoções e suas expressões, dando ênfase ao autoconhecimento e ao conhecimento do outro.

O Projeto, apoiado no livro “Coração que Bate, Sente: o Lúdico no Conhecimento do Ser”, de Regina Otero e Regina Rennó, tem o objetivo de aproximar os alunos de valores morais, pois sabemos que a moralidade não se aprende por meio da transmissão verbal, ela se desenvolve em estreita conexão com o meio social, num processo de construção contínua.

Nesta proposta, os alunos são instigados a identificar o que sentem frente a dilemas cotidianos, como quando querem falar e de alguma maneira não se sentem ouvidos ou quando querem a companhia única de um amigo e este deseja brincar com outros colegas. Assim, aos poucos, vão tomando consciência dos seus sentimentos. Perceber que o outro também sente faz parte dessa reflexão, o que possibilita que os alunos desenvolvam a capacidade de se colocar no lugar do outro.

Este é um trabalho que permite que as crianças conversem sobre a questão do respeito mútuo e percebam a importância de ouvir e de ser ouvido.

Escola Eduque