7 peças para soltar a imaginação e aprender Geometria

7 peças para soltar a imaginação e aprender Geometria

Cesar Pazinatto

20 Abril 2016 | 07h53

tangram1

Durante as aulas de Matemática, paralelamente aos conteúdos do livro didático, os alunos dos 2ºs anos estão explorando o TANGRAM, um quebra-cabeça chinês de origem milenar.

Ao contrário de outros quebra-cabeças, ele é formado por sete peças geométricas, chamadas de “tans”, com as quais é possível formar diversas figuras. A regra é usar todas as sete peças em qualquer montagem, sem sobrepô-las.

Essas atividades de construção geométrica contribuem para desenvolver o gosto por artes visuais e o senso estético, além de possibilitarem o desenvolvimento de habilidades motoras, organização e a descoberta de alguns fatos da Geometria.

As crianças conheceram uma das lendas sobre o surgimento do Tangram e criaram seus primeiros trabalhos. Conheça você também!

“Conta a lenda que um jovem chinês despedia-se de seu mestre, pois iniciaria uma grande viagem pelo mundo. Nessa ocasião, o mestre entregou-lhe um espelho de forma quadrada e disse:

        – Com esse espelho você registrará tudo que vir durante a viagem, para mostrar-me na volta.
O discípulo, surpreso, indagou:
– Mas mestre, como, com um simples espelho, poderei eu lhe mostrar tudo o que encontrar durante a viagem?
No momento em que fazia esta pergunta, o espelho caiu-lhe das mãos, quebrando-se em sete peças.
Então o mestre disse:
– Agora você poderá, com essas sete peças, construir figuras para ilustrar o que viu durante a viagem”.

 

Professoras do 2º ano

tangram4 tangram5 tangram6