Força Máxima: Uma maneira de aproveitar melhor o Enem e Vestibulares

Força Máxima: Uma maneira de aproveitar melhor o Enem e Vestibulares

Colégio Peretz

02 Maio 2016 | 09h55

Por Karla Regina Alarcon e Marcio Moreira*

Iniciado há quatro anos, o programa Força Máxima foi implementado pela necessidade que os professores observaram em abordar termas interdisciplinares e orientar os alunos do 3º ano nas questões de vestibulares e ENEM, daí ser dirigido a essa classe.

Alunos escutam atentamente a exposição de um dos professores

Alunos escutam atentamente a exposição de um dos professores

Apesar de realizado no contra período e não tendo a participação obrigatória, nota-se a presença maciça dos alunos, que se interessam não apenas pelas questões tratadas, assim como em se preparar melhor para debater com diferentes públicos e nos mais diversos contextos.

Os temas são escolhidos de acordo com as discussões civis atuais mais relevantes, tais como crise hídrica, refugiados etc. E é sabido que, invariavelmente, esses são assuntos

estão presentes em grandes vestibulares. “No que tange a eficácia, podemos destacar as bases dos conteúdos em provas de redação e domínio na resolução de questões interdisciplinares”, conta a coordenadora da área de Humanas Karla Regina Alarcon, responsável pela mais recente atividade. Ao que o coordenador da área de Ciências Naturais Marcio Moreira, e que também costuma dividir com outros professores o programa, afirma: “Assim, proporcionamos aos nossos alunos, mais segurança ao lidar com temas mais complexos”.

Eles contam que, neste ano, abordaram, por exemplo, a epidemia da dengue, a questão dos refugiados, crise hídrica, epidemia do crack, energia atômica entre outros.

São organizados, em média, dois ‘Força Máxima’ por trimestre, e cada módulo tem 1h15.

“Afirmarmos que os alunos gostam muito dessas aulas.” E explicam o porquê disso: “Primeiro, porque os tópicos abordados são bem expressivos e, o que mais é destacado, a possibilidade do trabalho conjunto de duas disciplinas por cada módulo. “, concluem.

* Karla Regina Alarcon e Marcio Moreira são, respectivamente, coordenadores de Ciências Humanas e Ciências Naturais do Colégio I.L Peretz

Mais conteúdo sobre:

Ensino MédioestudosvestibularWnem